Empresa portuguesa prepara entrada na bolsa de Nova Iorque

A Farfetch é a primeira “start-up” portuguesa avaliada em mil milhões de dólares (cerca de 909 milhões de euros).

A Farfetch, empresa portuguesa de moda de luxo, está a preparar a entrada na bolsa de Nova Iorque.

A agência Bloomberg refere que os responsáveis da empresa estão a fazer contactos no sentido de preparar a dispersão das acções e a entrada em bolsa. Não foram tomadas decisões definitivas e a Farfetch pode decidir aguardar até 2018 para avançar com a operação.

A Farfetch é a primeira “start-up” portuguesa com o estatuto de unicórnio, ou seja, foi avaliada em mil milhões de dólares (cerca de 909 milhões de euros).

A empresa, sediada em Londres, vende os produtos de centenas de lojas multimarca de luxo distribuídas por todo o mundo, sobretudo na área do vestuário, disponibilizando a cada estação mais de 100 mil referências de mais de 1.500 marcas aos mais de 420 mil clientes activos em mais de 150 países.

José Neves, fundador da empresa, é um dos oradores e participantes na WebSummit, a conferência de empreendedorismo que arranca esta segunda-feira em Lisboa.

Fonte:
Data: 05/11/2016