Investimento Empresarial em 2018 fica aquém do previsto

Os dados são do Instituto Nacional de Estatística e revelam que em 2018 o investimento empresarial cresceu apenas 1,9%. Um número que fica aquém das expetativas, já que a perspetiva para esse período era de 5,1%. O contributo mais positivo para este valor é proveniente das empresas de maior dimensão (com mais de 500 colaboradores).

As empresas identificaram como fator principal do baixo investimento empresarial, a deterioração das perspetivas de venda. 

Para 2019 as perspetivas são mais animadoras, com o crescimento do investimento empresarial a dever fixar-se nos 4,4%.

De acordo com o INE, quer o aumento do peso relativo da incapacidade de autofinanciamento e da deterioração das perspetivas de vendas, quer a diminuição do peso em obter crédito bancário, quer a dificuldade em contratar pessoal qualificado, deverão fazer parte da meta para este ano. 

 
29/01/2019